junho 20, 2021
  • junho 20, 2021
Novidades

Edição 04 – Crônica: “Carência de liderança” – Suplemento Araçá

By Redação no setembro 12, 2020
0 58 Views

Carência de liderança
Helena Corrêa

Certo de que estamos vivendo cada vez mais em um mundo globalizado onde cada vez mais os movimentos estão na palma de nossas mãos, surge uma pergunta: “o que tem te liderado”? “A quem você tem se inclinado e até seguido como modelo”?

Usando uma analogia bem imaginária vamos exemplificar: pense comigo, acaba de chegar uma nave mãe com habitantes de outros planetas em nosso planeta, Terra e o líder deles chegasse até você e solicitasse: “— me leve ao seu líder”. Quem você indicaria, quem seria sua referência de liderança para apresentar ao extraterrestre? Justamente, sei que você ficou com algumas muitas interrogações em sua cabeça através dessa analogia, esse sentimento de incerteza e insegurança é completamente compreensível pelo simples e único fato a humanidade de modo geral esta CARENTE DE LIDERANÇA.

Essa carência de liderança é global, estamos em um momento ímpar de ter essa comprovação de forma que ressalta a olhos nus devido à pandemia mundial, a COVID 19 trouxe a denotação de quão difícil está sendo conduzir uma situação simplesmente por uma questão: LIDERANÇA. Locais onde suas LIDERANÇAS se fizeram presente e exerceram suas funções na intensidade certa e da maneira correta com o protocolo mínimo a ser seguido hoje já conseguem vislumbrar um começo para novas ações de um dito “novo normal”. Muito provável que esses LÍDERES foram em muitos momentos pressionados a fazerem diferente em favorecimento desse ou daquele setor, ainda sim a postura do LÍDER diante de uma situação em que VIDAS IMPORTAM se faz necessária a LIDERANÇA esperada por ele. Muitos ainda confundem a democracia ou a gestão democrática com o “favorecer” minha vontade, sim, alguns agem como filhos mimados e não entendem que o LÍDER sempre irá pender para o certo, justo e correto diante da situação, que com certeza não agradará a todos, mas ainda sim irá fazer o que precisa ser realizado para o bem maior a todos.

Socialmente e historicamente somos preparados para o SUCESSO e COMPETIÇÃO, desde bebês, mães comparam peso de seus filhos, quem amamenta mais, quem dorme melhor a noite e esse movimento cresce para as melhores notas, melhor esportista, destaque em uma área específica e assim por diante, porém não somos preparados para o INSUCESSO e no primeiro FRACASSO caímos, alguns conseguem gerar mecanismos de dar a chamada “volta por cima”, já outros infelizmente não tem a mesma sorte nessa caminhada. Afirmo que ambos que são afetados pelo INSUCESSO terão suas cicatrizes, a diferença principal é: o LÍDER saberá além de dar a “volta por cima”, conduzir as situações como aprendizagem e proveito trazendo a confiança e consistência esperada de uma LIDERANÇA nos momentos de crise.

Retornando a falar analogicamente existe um ditado popular que relata: “é melhor ser comandado por um leão do que por um bando de ovelhas”, na sabedoria popular todas as definições de LIDERANÇA e do papel de um LÍDER diante da SOCIEDADE são abordadas nesse ditado, não ter uma LIDERANÇA é um enorme problema e maior ainda é não ter o LÍDER certo que saberá assumir sua missão, função e papel social diante das situações esperadas.

Falar de LIDERANÇA é abordar sobre as habilidades e atitudes esperadas desse LÍDER e mais ainda a que sociedade esse LÍDER se remete, suas culturas, crenças e valores que sempre são adicionados a essa soma de papéis sociais. A palavra EMPODERAMENTO hoje tão falada escrita e ecoada socialmente não direciona somente com passar a ter domínio sobre sua própria vida, ser capaz tomar decisões sobre o que lhe diz respeito ou a ação e efeito de obter PODER. EMPODERAMENTO trata-se de promover PODER, ou seja, alguém promove esse poder, delega essa autoridade com autonomia, emancipação e participação nas atividades afirmando, opinando, escolhendo, podendo assim PROMOVER suas CAPACIDADES. Engana-se quem pensa que EMPODERAMENTO e CONHECIMENTO vão sempre caminhar juntos, infelizmente essa é uma cruel VERDADE, muitos LÍDERES possuem esse EMPODERAMENTO, mas infelizmente não há conhecimento, vivência, colaboratividade, afinidade operativa e sinergia para tal.

Termino por este parágrafo por uma questão de reter a escrita meus PENSAMENTOS e DEFINIÇÕES sobre LIDERANÇA e a verdadeira FUNÇÃO SOCIAL de um LÍDER. Gestão vai muito além dos papéis e burocracia (que são de extrema importância), o LÍDER precisa saber ouvir com olhos, coração e ouvidos, ter uma escuta aberta ao diálogo, saber delegar e realizar parcerias e tarefas, exaltar o que de bom há e melhorar o que precisa ser revisto com sensatez, mas acima de tudo o LÍDER precisa ser PRESENTE, COERENTE e seguir com os seus o rumo para uma jornada de sucesso.

Redação

O suplemento literário Araçá é um projeto da Revista e Editora “Entre Poetas & Poesias” e foi criado com objetivo de divulgar e propagar a arte a todos os cantos do Brasil e do mundo. Um periódico cultural que nasceu para tornar o cotidiano dos leitores mais suaves com mensagens líricas, filosóficas, entrevistas, poesias, artigos acadêmicos, debates educacionais, entre outros.

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *